Pesquisa personalizada

4 de outubro de 2006

Hino Nacional Brasileiro


Letra: Osório Duque Estrada
Música: Francisco Manuela da Silva

Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heróico o brado retumbante
E o sol da liberdade em raios fúlgidos,
Brilhou no céu da pátria nesse instante
Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte,
Em teu seio, ó liberdade,

Desafia o nosso peito a própria morte!
Ó Pátria amada,
Idolatrada
Salve! Salve!
Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce,

Se em teu formoso céu risonho e límpido,
A imagem do Cruzeiro resplandece.
Gigante pela própria natureza,
És belo, és forte, impávido colosso,
E o teu futuro espelha essa grandeza.
Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu Brasil,

Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil,

Pátria amada
Brasil!
Deitado eternamente em berço esplêndido,
Ao som do mar e à luz do céu profundo,
Fulguras, ó Brasil, florão da América,
Iluminado ao sol do Novo Mundo!
Do que a terra mais garrida,
Teus risonhos lindos campos têm mais flores,
“Nossos bosques têm mais vida”
“Nossa vida”, no teu seio, “mais amores”
Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!
Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado
E diga o verde-louro dessa flâmula
¾ Paz no futuro e glória no passado
Mas se ergues da justiça a clava forte,
Verás que um filho teu não foge à luta
Não teme quem te adora, a própria morte.
Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu Brasil,
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada
Brasil!

ENTENDIMENTO DO TEXTO


ORDEM DIRETA
Para que possamos entender, perfeitamente, a mensagem de um texto, é necessário que as idéias estejam em seqüência lógica. Tratando-se de um verso, ocorre quase sempre a inversão do s termos. Vamos pois colocar o HINO NACIONAL, na sua ordem direta.

As margens plácidas do Ipiranga ouviram o brado retumbante de um povo heróico, e o sol da liberdade brilhou nesse instante, em raios fúlgidos no céu da pátria.
Se conseguimos conquistar com braço forte
O penhor dessa igualdade
O nosso peito desafia, em teu seio, ó liberdade, a própria morte.
Salve! Salve!
Ó pátria amada
Idolatrada.
Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança desce à terra,
Se a imagem do Cruzeiro resplandece
Em teu formoso céu risonho e límpido.
Gigante pela própria natureza,
és belo, és forte, (és) impávido colosso,
e essa grandeza espelha o teu futuro.
Brasil, ó pátria amada,
És tu terra adorada
entre outras mil!
Brasil, pátria amada,
és mãe gentil dos filhos deste solo!
Ó Brasil, florão da América,
fulguras, deitado eternamente em berço esplêndido,
(fulguras) ao som do mar, (fulguras) à luz do céu profundo,
(fulguras) iluminado ao sol do Novo Mundo!
Teus campos lindos (e) risonhos têm mais flores do que a terra mais garrida,
No teu seio, nossos bosques têm mais vida, e nossa vida (tem) mais amores.
Salve! Salve!
Ó pátria amada, idolatrada.
Brasil, o lábaro que ostentas estrelado
Seja símbolo de amor eterno
E o verde-louro dessa flâmula diga:
¾ Paz no futuro e glória no passado.
Mas, se ergues a clava forte da justiça
verás que um filho teu não foge à luta;
(verás que) quem te adora, não teme a própria morte.
Brasil, ó pátria amada,
és tu, terra adorada entre mil outras.
Brasil, pátria amada,
és mãe gentil dos filhos deste solo.

ESTUDO DE PALAVRAS E EXPRESSÕES
PESQUISE NO DICIONÁRIO O SIGNIFICADO DAS PALAVRAS GRIFADAS:
... as margens plácidas do Rio Ipiranga ...
... ouviram o brado retumbante ...
... brilhou em raios fúlgidos ...
... se conseguimos conquistar o penhor dessa igualdade...
... um raio vívido ...
... impávido colosso ...
... do que a terra mais garrida ...
... o lábaro que ostentas ...
se ergues a clava forte ...

INTERPRETAÇÃO DO TEXTO: (Para maior facilidade, tenha o dicionário à mão)

Por que as margens plácidas do Ipiranga ouviram o grito retumbante de um povo heróico?
Explique porque A liberdade brilhou no céu da pátria.
O “sol da liberdade” a que o autor se refere é:
( ) a liberdade política.
( ) a liberdade econômica.
( ) a liberdade intelectual

- Nossa liberdade foi conseguida:
( ) facilmente.
( ) com luta.
( ) através de acordos

Copie os versos que comprovam a resposta da questão anterior.

Os versos “Nossos bosques têm mais vida e nossa vida no teu seio mais amores” são da autoria do poeta que escreveu “Canção do Exílio”. Quem é o poeta?

A expressão “Florão da América” significa:
( ) que o Brasil sobressai no mapa da América.
( ) que o Brasil é o maior país da América.
( ) que o Brasil faz parte da América.

Copie os versos que mostram que o brasileiro dá a vida por seu país.
A que igualdade o autor se refere?
Por que a expressão “Deitado eternamente em berço esplêndido”?

ATIVIDADES LINGÜÍSTICAS:
Copie a primeira estrofe do Hino Nacional e sublinhe os adjetivos.
Dê o antônimo de: (Consulte o dicionário)
Plácido
heróico

Fúlgido

igualdade

Garrida
Risonho
límpido
Grandeza
gentil
Fugir
resplandecer

Análise sintática:
Um filho teu não foge à luta.
Sujeito: ...
Núcleo ...
Adjunto adnominal: ...
Predicado verbal: ...
V.T.I. : ...
Objeto indireto: ...
Adjunto adverbial de negação: ...

Teus risonhos lindos campos têm mais flores.
Teus risonhos lindos campos: ...
Campos: ...
Teus, risonhos, lindos: ...
Têm mais flores: ...
Têm: ...
Mais flores: ...
Flores: ...
Mais: ...

Observe as palavras do texto e complete com as letras que estiverem faltando:
Plá...idas
fúl...idos
inten...o
Ri...onho
resplande...
e...plêndido

Palavras parônimas: (Parecidas)
Tráfego cessão estada eminente descrição
Tráfico seção estadia iminente discrição
Sessão
Concerto caçar dispensa espiar degredar
Conserto cassar despensa expiar degradar

PREENCHA OS ESPAÇOS USANDO AS PALAVRAS ACIMA: Na dúvida, consulte o dicionário:
Na escravidão, havia ... de escravos
Assisti a uma bela ... de cinema.
Foi à África para ... elefantes.
A ... de minha casa está sempre repleta de alimentos.
Mandei o sapato para o ...
Abriu a janela para ... a rua.
O aluno não se sentiu bem e pediu ... das aulas.
Na avenida, o ... estava intenso.
Fiz um levantamento sobre a ... de navios estrangeiros, em portos brasileiros.
Assisti a um ... do Teatro Municipal.
O governo podia ... os ministros que não respeitavam as leis do país.
A ... é uma qualidade das pessoas educadas.
O castigo imposto pela Corte foi ... os inconfidentes.<
Os vícios podem ... as pessoas.
A professora nos pediu a ... de uma paisagem.
O culpado deve ... por seus pecados.
Minha ... na Europa foi muito proveitosa.
O chefe da minha ... é muito simpático.

12 comentários:

  1. Anônimo6/07/2009

    o seu blog e maravilhoso, pois ajuda aos professores que teem dificuldade em pesquisar na internet.parabens.

    ResponderExcluir
  2. oi, gostei do seu blog. E achei o que estava procrurando, o estudo do Hino Nacional. Só que vc não postou as respostas. Será que dava para vc fazer isso? obrigadinha.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo5/06/2010

    uma porcaria ,nao estou proucurando isso

    ResponderExcluir
  4. Anônimo6/06/2010

    oi gostei muito do teu blog. gostaria que me enviasse as resposta das atividades sobre o hino nacional. bjos. leilamarcia@msn.com

    ResponderExcluir
  5. Anônimo8/03/2010

    Por favor, em" Ouviram do Ipiranga as margens plácida....
    Qual é o sujeito ?

    ResponderExcluir
  6. Anônimo9/02/2010

    "as margens plácidas do ipiranga" é o sujieto

    ResponderExcluir
  7. Anônimo11/30/2010

    Se você postasse as respostas ficaria perfeito.
    Na internet, atividade sem gabarito perde o valor.
    É só uma opinião.
    Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  8. Anônimo2/22/2011

    Eu acho que o sujeito de Ouviram do Ipiranga as margens plácida é indeterminado pq ele nao aparece ouviram quem ouviu? (Eles) depende do verbo ai esta na terceira pessoa quem é a terceira pessoa do verbo eles então a frase fica Eles Ouviram do Ipiranga as margens plácida.

    ResponderExcluir
  9. Anônimo8/31/2011

    Gostei da matéria,mas cadê o gabarito, hein?!

    ResponderExcluir
  10. Anônimo4/17/2012

    ouviram do ipiranga .. e porque é uma alegoria de que quando ouve a inddependência no brasil, a liberdade brilhou, ou seja, estavamos livres da opressão da metrópole que era Portugal.

    ResponderExcluir
  11. Anônimo7/09/2013

    A expressão ''Florão de America''.É porque o Brasil faz parte da América??

    ResponderExcluir
  12. Eu penso que é porque o Brasil é o maior país da América do Sul e se destaca dos demais, e a palavra "florão" expressa o sentimento patriótico do poeta por seu país.

    ResponderExcluir

A humanidade é um oceano. Se algumas gotas estão sujas, isso não significa que ele todo ficará sujo. (Mahatma Gandhi)