Dedico este blog aos poetas, sonhadores, sábios pesquisadores, idealistas, aos que apreciam a arte e a todos que descobiram a inteligência como Dom de Deus e que usam seus talentos e dons para realizar causas nobres em benefício da humanidade.
Pesquisa personalizada

1 de junho de 2007

Modelo de convite para festa junina




8 comentários:

Anônimo disse...

SOU PROFESSORA A 20 ANOS EM SÃO PAULO CAPITAL ,ATÉ GOSTEI DO CASAMENTO CAIPIRA ,SÓ ACHEI PESADO OS PALAVRÔES INCLUISOS ,TOME CUIDADO ,POIS ESTAMOS TRABALHANDO COM CRIANÇAS , TEMOS QUE FILTRAR O QUE FALAMOS ,NESTA REALIDADE DE VIOLÊNCIA A QUAL VIVEMOS
DESCULPE , MAS FALO OU ESCREVO ESTA NOTA, BASEADO NOS ALUNOS QUE TEM PASSADO POR MIM

terezinha bordignon disse...

Professora, este casamento caipira não precisa ser passado ao aluno literalmente. Cada professor deve adaptá-lo à sua clientela, de acordo com a realidade em que trabalha e às séries para as quais leciona.

Penso que este texto de Paulo Coelho explica esta transgressão:

"Os monges do deserto afirmavam que era necessário deixar a mão dos anjos agir. Para isto, de vez em quando faziam coisas absurdas - como falar com flores ou rir sem razão. Os alquimistas seguem os "sinais de Deus"; pistas que muitas vezes não fazem sentido, mas que terminam levando a algum lugar.
Diz o mestre:
Não tenha medo de ser chamado de louco - faça hoje alguma coisa que não combina com a lógica que você aprendeu. Contrarie um pouco o comportamento sério que lhe ensinaram a ter. Esta pequena coisa, por menor que seja, pode abrir as portas para uma grande aventura - humana e espiritual".

Anônimo disse...

sou professora e concordo plenamente com minha colega de profissão,o mundo está violento demais para estimularmos os palavrões que nos induzem a violencia verbal ou física....

Anônimo disse...

Mais do que o "casamento capiria inconveniente", lamentáveis são os erros de ortografia de uma professora que exerce a profissão há 20 anos.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Sandra disse...

Parabéns,minha prezada colega de profissão, estou amando visitar este espaço e contigo poder aprender mais. Não fica triste com os comentários negativos; nós crescemos também com eles. Um abraço!

Anônimo disse...

hipocresia, são as palavras de alguns falsos moralista. nossas crianças são conhecedoras de toda essas falas não existe nada de novidade; privalas disso só se colocarmos numa redoma.

Anônimo disse...

Concordo que é muuito violento e as criticas negativas são uma verdadeira realidade , já que isso é induzir a uma violência , e caros amigos de profissão , nós professores ainda temos que nos deparar com os comentários passando isso como comum.