TRANSLATE

Busque arquivos antigos

14 de dezembro de 2009

Não esqueça o principal


..........................................................................................

Uma lenda antiga conta a história de uma mulher pobre com o filho no colo, que ajuntava lenha no bosque. Uma voz misteriosa fez-se ouvir: “Apanhe tudo o que puder, mas não esqueça o principal!” E, espantada, viu-se abrir a porta de uma gruta cheia de tesouros. Teria cinco minutos para apanhar o que quisesse. Havia montanhas de moedas de ouro, diamantes, rubis, colares... Ela colocou a criança no chão e começou a encher, primeiro os bolsos, depois o avental. Amarrou a blusa e fez uma espécie de bolsa e colocou nela mais tesouros. O tempo estava se esgotando, ela saiu feliz da gruta e a porta fechou-se para sempre. Ela estava rica e feliz. Mas logo deu-se conta da tragédia: esquecera o filho – O principal – na gruta.


REFLEXÃO:

Quais são nossas prioridades?

Que escala de valores temos, não na racionalidade, mas na prática?

Como ocupamos nosso tempo em função das prioridades que dizemos ter?

Na prática, podemos esquecer o principal, como dizia a voz misteriosa?

E o tempo corre veloz. A porta da gruta – a porta da vida – pode se fechar para sempre, o que sobrará: tesouros ou miçangas? Valores ou ilusão?



MENSAGEM:

A cada dia devemos recordar: podemos e devemos correr em busca de nossos sonhos, mas não esqueçamos o principal.


Aldo Colombo – Correio Riograndense – 02/12/2009

2 comentários:

  1. O blogue está leve e lindo.
    O post magnífico.
    bj

    ResponderExcluir
  2. GOSTEI MUITO DO SEU BLOG. OS POSTS SAO UMA MARAVILHA. EU ESTUDO O ENSINO MEDIO ( MARANHAO) E QUERIA QUE VOCE DESSE UMA OLHADINHA NO MEU PRA CORRIGIR ALGUNS ERRINHOS (QUE EU ACREDITO COM CERTEZA HAVER). PODE SER? OBRIGADO.

    ResponderExcluir

A humanidade é um oceano. Se algumas gotas estão sujas, isso não significa que ele todo ficará sujo. (Mahatma Gandhi)