TRANSLATE

Busque arquivos antigos

4 de janeiro de 2015

Elementos básicos da comunicação visual


     Os elementos básicos da comunicação visual são poucos: o ponto, a linha, a forma/contorno, a direção, o tom, a cor, a textura, a dimensão, a escala e o movimento. Esses elementos constituem a substância básica daquilo que vemos.
O ponto é a unidade de comunicação visual mais simples. Quando os pontos estão muito próximos entre si torna-se difícil e até impossível identificá-lo e a cadeia de pontos se transforma em outro elemento visual: a linha.


A linha descreve uma forma. Existem três formas básicas: o quadrado, o círculo e o triângulo equilátero. Todas as formas básicas expressam três direções visuais básicas e significativas: o quadrado, a horizontal e a vertical; o triângulo, a diagonal; o círculo, a curva.


A cor ou tonalidade está ligada às emoções. A cor tem três dimensões que podem ser definidas e medidas. As variações de luz são os meios pelos quais distinguimos opticamente a complexidade da informação visual e complementa a representação da perspectiva.
A textura é o elemento visual que serve de substituto para as qualidades de outro sentido, o tato.

Todos os elementos visuais são capazes de se modificar e se definir uns aos outros. O processo constitui aquilo que chamamos de escala, isto é a relação de dimensões entre duas ou mais formas.
A representação da dimensão visual bidimensional depende da ilusão. A dimensão existe no mundo real. Porém reforçamos a ilusão no campo visual ao desenharmos, pintarmos etc. O principal artifício para simulá-la é a perspectiva.


Um quadro, uma foto ou a estampa de um tecido podem ser estáticos, mas a quantidade de repouso que projetam pode implicar movimento, em resposta à ênfase e à intenção que o artista teve ao concebê-los.




Preencha as figuras com elementos visuais:









Nenhum comentário:

Postar um comentário

A humanidade é um oceano. Se algumas gotas estão sujas, isso não significa que ele todo ficará sujo. (Mahatma Gandhi)